Tendências da educação corporativa

por Samuel Elom em 10/Dec/2018 ⇠ Veja outros Posts

Você já deve ter ouvido falar em educação corporativa ou mesmo fez parte de algum processo que envolvesse esse conceito relativamente novo no mundo empresarial.
A cada ano, novas metodologias ganham protagonismo e outras ficam obsoletas.
Não fique pra trás e se atualize sobre quais são as principais tendências da educação corporativa.

O que é Educação Corporativa?

Como o próprio nome diz, este conceito combina educação ao ambiente corporativo, buscando alinhar gestão de pessoas à gestão de conhecimento. Cursos, treinamentos, workshops, palestras, entre outros, com objetivo de aprendizagem focado nas atividades da organização/empresa.


Uma maneira de envolver o colaborador e fazer com  que o aprendizado aconteça de maneira contínua e associado à bons resultados e rendimento, como falamos em nosso post sobre o que é educação corporativa.

Esse tipo de abordagem possibilita a otimização dos processos organizacionais educativos, personalizando mais os perfis dos colaboradores, direcionando cursos e treinamentos baseados em competências próprias. Funcionários de diferentes departamentos ou posições têm diferentes necessidades.

Temos um conteúdo que estuda a personalização de ensino: Tudo sobre aprendizagem adaptativa

Educação corporativa auxilia na retenção de talentos, qualificação da mão de obra, motivação da equipe. Se atente sobre as tendências desse nicho de educação.


Gamification

A máxima de que aprender pode ser divertido, não é uma frase apenas para crianças em fase de alfabetização ou para adolescentes com dificuldades de aprendizagem. É preciso aprender e se capacitar em variados momentos da vida.

Com a mudança de gerações, inserção de jovens no mercado de trabalho e as novas tecnologias, os modelos de educação tradicionais já não são suficientes. Não basta simplesmente ensinar, é necessário engajar.

Nessa perspectiva,  o gamification (Gamificação em português) é uma abordagem emergente que vem ganhando espaço e se tornando uma tendência quando se trata de educação corporativa.

Gamification incentiva a participação contínua, engajando alunos através componentes próprios da mecânica de um jogo (avatares, pontos, níveis e conquistas). Pense em uma forma lúdica onde o aluno/profissional cumpri a metas e objetivos e é premiado por suas conquistas.

 

Mobile Learning

Celulares, tablets, e outros dispositivos, podem ser vistos como vilões pelas empresas, quando se trata de foco no trabalho e produtividade do colaborador. Na contramão desse pensamento, o mobile learning (aprendizagem através de dispositivos móveis) utiliza exatamente essas ferramentas para cursos e treinamentos a distância, podendo utilizar de vários canais diferentes como:

ebooks

Infográficos

Webinars

Vídeos

Plataformas próprias.

Essa tendência se mostra cada vez mais forte por oferecer vantagens tanto para as organizações, quanto para os colaboradores.

Para as organizações, a diminuição de gastos é clara, pois não há necessidade de disponibilizar materiais impressos ou espaço físico, o que pode acelerar o processo de aprendizagem uma vez que o aluno não precisa estar no ambiente de trabalho para se capacitar. Além disso, ajuda a deixar a equipe mais motivada, pois treinamentos convencionais, podem deixar a sensação de obrigatoriedade do colaborador em participar.

Para o colaborador/aluno oferece a flexibilidade de acessar os conteúdos de ensino em qualquer lugar a qualquer momento, ou seja, é possível que o funcionário otimize seu estudo a seu estilo de vida. Esse modelo é muito mais individualizado, se adaptando a várias rotinas, fazendo do aluno mais dinâmico, ao contrário da passividade comum do treinamentos e cursos tradicionais.

 

Vídeos

Eles já são tendência e continuarão a ser pelo menos por algum tempo. 72% dos usuários preferem consumir conteúdo por vídeos do que por textos. Cientes desta informação não podemos, nem conseguimos ignorar a presença dos vídeos.

Com o desenvolvimento tecnológico, o acesso a equipamentos de produção audiovisual se tornaram mais acessíveis, chegando ao ponto de se conseguir criar vídeos de alta qualidade apenas com um celular.
Aprenda Como gravar vídeo aulas profissionais sem gastar muito.

Além de ter uma transmissão de mensagem geralmente mais ágil que um texto, sua linguagem visual facilita a compreensão do receptor.

Especialistas prevêem que os vídeos serão responsáveis por mais de 80% do tráfego consumido na internet.

Microlearning

Investir tempo em treinamentos e cursos de longa duração pode ser um empecilho em uma realidade em que as pessoas tem tanta urgência em realizar suas tarefas do cotidiano.


Uma estratégia eficiente, para driblar esse desafio, principalmente quando se trata de informações que envolvam tópicos simples ou dividir assuntos complexos em pequenas partes, é usar o microlearning.

Traduzido ao pé da letra como “micro aprendizagem” essa abordagem trata de transmitir pequenas doses de conhecimento, em um curto período de tempo.

O microlearning é totalmente adaptável à diversas plataformas. Seja sites que hospedam vídeos curtos, redes sociais, pequenos textos e até já existem aplicativos próprios que esses tipo de aprendizagem é protagonista.

Esse tipo de abordagem do conhecimento se torna efetivo e flexível uma vez que se adapta a disponibilidade do aluno para estudar, melhora a concentração no conteúdo com menor chance de distração e pode ser acessado através de qualquer dispositivo.

Big Data

Big Data é um grande conjunto de dados gerados por uma organização no qual é possível retirar valor dessas informações. Para que seja efetivo, esse processo se baseia em 5 pilares: velocidade, volume, variedade, veracidade e valor.

O gerenciamento de dados é um caminho que auxilia na identificação modulação e personalização do conteúdo de ensino, buscando ser mais específico para aquele perfil de aluno.

Entre suas funções o big data reúne informações sobre o perfil do colaborador, estimulando a pensar melhor na estratégia de capacitação e atualização. Além disso, ajuda na identificação de pontos positivos e negativos, para enfim personalizar a melhor forma de aprendizagem adequada a cada perfil de funcionário.

As tendências apresentadas acima, se feitas em conjunto podem trazer mais efetividade a sua estratégia de educação corporativa.


Sistema de Gerenciamento

O gerenciamento de suas atividades vai ser sempre uma tendência, mas leve esse último tópico como uma dica de ouro quando se trata de educação. No mercado podem ser encontradas plataformas que te auxiliam (e muito) na gestão do seu curso online ou treinamento.

Monitore a captação de clientes, realize vendas online, gerencie os participantes de seus cursos, treinamentos e eventos, cuide do relacionamento dos estudantes e muito mais funcionalidades através de um sistema de gerenciamento de cursos.


Ao longo deste post, podemos perceber que não se trata simplesmente de fazer um curso ou treinamento empresarial. A educação corporativa é um processo contínuo que ajudar a moldar a cultura de uma organização.

Fique de olho nas tendências da educação corporativa, e em outros conteúdos de nosso blog.

Samuel Elom

Estudante de Jornalismo - Time de Marketing

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

Ligue agora:

11 4380-6606 31 3047 5405

© NeritEduca

by nerit